Excesso de chuva pode prejudicar aplicações na soja em MT e MS; no Sul, permanecerá em falta

A chuva atinge o Centro-Oeste e o Norte do Brasil entre esta semana e a próxima. O volume excessivo de água pode, com isso, prejudicar a aplicação de defensivos nas lavouras de Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, que já estão completamente instaladas.


Enquanto isso, a água não deve aparecer na região Sul. Entre a próxima terça-feira (30) e o sábado (4 de dezembro), só chove 5 mm na maior parte dos três estados. Apenas no extremo sul do Rio Grande do Sul e leste do Paraná é que deve ter maior precipitação, com no máximo 15 mm.


Por outro lado, a umidade deve atingir o estado de São Paulo. Com isso, a finalização dos trabalhos de semeadura da soja, principalmente no oeste do estado, será beneficiada.


Até o próximo sábado, com a formação da Zona de Convergência do Atlântico Sul (ZCAS), mantém-se a chuva mais volumosa da faixa que vai da Bahia até Rondônia, com acumulados de 70 mm a 100 mm.


Fonte: Canal Rural

0 visualização0 comentário